12 de nov de 2012

Dica de leitura: Aladim e a Lâmpada Maravilhosa

Um poderoso mago africano chega a um distante reino da China e observa um rapaz que passa os dias a vagabundear pelas ruas. Decide aproveitar-se de sua aparente estupidez e conta-lhe que é seu tio e que juntos precisam apanhar uma velha lâmpada abandonada numa espécie de gruta em um jardim. Aladim acredita e segue atrás do seu “tio”, desencadeando assim a sorte que o tornará senhor de um fabuloso gênio.

O mago pede a Aladim que entre na caverna misteriosa para retirar de lá a lâmpada e, em troca, lhe oferece uma fortuna. Aladim entra na caverna e a pega, mas o mago tenta ludibriá-lo na saída da gruta, e ele acaba preso na caverna com a lâmpada. O gênio que habitava a lâmpada se manifesta após um gesto acidental de esfregá-la, e concede a Aladim a realização de seus pedidos, que são todos consumados. Um dos desejos de Aladim foi o de se tornar um príncipe e desposar a princesa, filha do sultão. Ao transformar radicalmente sua realidade pessoal tornando-se príncipe, transforma-se em adulto, casa-se e passa a ser o governador de seu reino.

Considerada por muitos como a melhor de As Mil e Uma Noites, a fantástica história de Aladim e a lâmpada maravilhosa (Editora Ática, 144 páginas, R$32,90) confirma o encanto irresistível que exerce sobre a mente ocidental. Sabe-se, porém, que a história foi acrescentada à coletânea pelo responsável pela tradução que popularizou a obra no Ocidente.

*****
Editora: Ática
ISBN: 8508063784
Ano: 1997
Páginas: 144
Skoob
*****

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por dividir sua opinião. Ela é muito importante para o crescimento do blog e de seus leitores.